Links informativos

//// Visitar Lavras do Sul é se surpreender com um jeito peculiar e simples de levar a vida. Muitas vezes se diz que Lavras do Sul é uma grande família, por conta de sua hospitalidade entre os habitantes e para com os visitantes. Mesmo com seu tamanho de pequeno porte, possui atrações e eventos que atraem pessoas de diversos lugares e de todos os estilos, em todas as épocas do ano. Conhecendo Lavras do Sul, tu irás te surpreender. ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).

sábado, 27 de junho de 2015

Lavras do Sul, localizado no Pampa Gaúcho, a 170 km de Santa Maria, a 81 km de Bagé e a 320 km de Porto Alegre (Capital do Rio Grande do Sul), é um município com uma área de 2.600 km². Tem na pecuária e nos serviços as suas principais atividades econômicas. Teve origem na mineração (é o único município gaúcho surgido a partir da extração do ouro, mineral outrora abundante na região).O potencial para o turismo e o agronegócio em Lavras do Sul é crescente e vasto. Por ser um município de 133 anos de história e ter projeção em diversas áreas da sociedade, é conhecido por boa parte dos gaúchos.


Lavras do Sul é a terra de nomes de projeção internacional como o matemático Licínio Cardoso, o ator e diretor Paulo José, o político Glênio Peres e o jurista José Néri da Silveira.

A cultura gaúcha influencia nos hábitos, costumes e no sotaque dos habitantes locais. O Torneio Interblocos, o CarnaLavras, a ExpoLavras, o Ourodança, a Semana Farroupilha, o Aniversário do Município e a Ovinofest são alguns dos principais eventos realizados na cidade ao longo do ano.

Foi emancipado em 9 de maio de 1882 e elevado à categoria de cidade em 1938.


Encontra-se na região da Serra do Sudeste, no chamado Escudo Sul-Rio-Grandense.


A altitude da sede é de 277m, mas alguns pontos do Município chegam a mais de 400m. Na porção oeste do município, o chamado “Fundo”, há a paisagem característica da Campanha Gaúcha, com relevo mais plano, ondulado e com pouca vegetação. Na porção leste, o relevo é um pouco mais elevado.


O principal rio é o arroio Camaquã das Lavras, que banha a sede municipal e abriga a principal atração turística e de lazer da cidade, o Balneário do Paredão, que tem uma estrutura para abrigar turistas da região e é bastante movimentado nos meses de verão.


O clima é subtropical, com verões e invernos bastante rigorosos (pode chegar a 40º C no verão e 0º C, facilmente, no inverno, com várias geadas). O município tem área de cerca de 2 600 km². A população, segundo o IBGE, com dados de 2013, é de 7.862 habitantes.


A cidade originou-se de forma linear. A partir da década de 1960, houve uma expansão urbana da cidade, formando até mesmo alguns bairros afastados do centro. A topografia não é uniforme, com inúmeras partes elevadas, depressões e pequenos vales. O centro é separado do bairro do Balneário do Paredão por um declive mais acentuado do que o do lado deste, através do arroio Camaquã. A densidade demográfica é de 3,1 hab./km².


Os principais grupos étnicos formadores são os portugueses, espanhóis, belgas, italianos, alemães, negros e pardos.


A população lavrense é composta de 51% de mulheres e 49% de homens. Com relação à situação de domicílio, 62% dos habitantes vivem na zona urbana e 38% na zona Rural.


O predomínio religioso de Lavras é o Catolicismo, mas há também significativas comunidades evangélicas e espíritas. O padroeiro da cidade é Santo Antônio (13 de junho, feriado municipal). A Igreja Matriz de Santo Antônio é a mais importante e também cartão postal da cidade, localizado no centro.


O asfaltamento a Lavras via Caçapava só chegou em 1990. Para Bagé, não há ainda estrada asfaltada, sendo o asfaltamento desta bastante reivindicado pela sociedade lavrense e da região. Há uma linha férrea no distrito do Ibaré, no interior do município. O transporte por automóveis é o mais utilizado. Não há trânsito intenso, nem congestionamentos, apenas um certo movimento na ruas centrais João Bulcão e Pires Porto.


O ponto mais central da cidade é a Praça Licínio Cardoso, onde estão concentrados a Igreja e o tradicional Clube Comercial. É o ponto de encontro dos lavrenses, sobretudo dos jovens, nos finais de semana e no verão. A Praça das Bandeiras é outro importante local para eventos e ponto de encontro.


As principais atividades econômicas são: pecuária (ovinos e bovinos), comércio, serviços, turismo, produtos artesanais e mineração.


O Carnaval é o principal evento da cidade. Turistas de várias regiões do RS participam da folia, que dura cinco dias e seis noites. Mesmo sendo uma cidade pequena, Lavras conta com mais de 30 blocos carnavalescos.Há mais de 100 eventos na cidade durante o verão alusivos ao evento.


Lavras tem cinco rádios FM’s. A mais ouvida é a Pepita FM. A Internet se desenvolveu rapidamente nos últimos anos, via discada ou via rádio e, mais recentemente, via celular e 3G.


Aproximadamente 88% da população é alfabetizada. O lavrense se caracteriza por possuir um sotaque que o diferencia da maioria do RS: o “e” carregado. Exemplo: Eu sou “dê” Lavras”. É um povo hospitaleiro, pacífico.


Lavras têm um hospital, com estrutura básica. Não há grandes epidemias nem doenças que afetam a vida da população, a não ser em pequenos casos, com picadas de animais peçonhentos ou pequenos acidentes. A expectativa de vida é de 70,68 anos. A mortalidade infantil é de 10,87/mil nascidos vivos.


Lavras do Sul se localiza no extremo sul do Brasil, a cerca de 150 km da fronteira com o Uruguai. Faz divisa com sete municípios: Bagé (sudeste e sul), Dom Pedrito (sul, sudoeste e Oeste), São Gabriel (noroeste), Santa Margarida do Sul (norte), Vila Nova do Sul (norte), São Sepé (norte) e Caçapava do Sul (nordeste e leste). Situa-se em linha reta 1.780 km da Capital do país, Brasília, e 270 km em linha reta, da Capital Gaúcha (via rodoviária, são 320 km).


A sede municipal está localizada pelas coordenadas geográficas 30° 48' 57" Sul, 53° 53' 35" Oeste. A altitude média é de 300 metros, com cotas variando entre 260 e 390 metros; na zona rural, as altitudes variam entre 98 e 460 metros.

É o 22º maior município em área do Rio Grande do Sul, com extensão superior a de centros urbanos de grande porte, como São Paulo e Porto Alegre. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatítica aponta 2.600,61 km². A distância aproximada entre os pontos leste e oeste do Município é de 112 km.

O relevo é típico do Pampa Gaúcho, com coxilhas, campos e capões de mata espalhados por todo o território. Além da vegetação típica do Bioma Pampa, algumas áreas lavrenses apresentam exemplares de flora típico de biomas como Cerrado, Caatinga e Mata dos Pinhais.

Mais de 80% do território de campos nativos é preservado em Lavras do Sul, sendo nele aplicado a pecuária sustentável. O solo pedregoso do interior do Município dificulta a agricultura em grande escala, porém facilita a criação de gado, sobretudo ovino e bovino.

O clima de Lavras do Sul é subtropical úmido (segundo a classificação climática de Köppen-Geiger: Cfa). A temperatura média anual é de 18°C, com verões quentes e invernos rigorosos (ocorrência média de 15 geadas anuais, entre maio e setembro). As médias de chuva anuais estão entre 1.600 e 1.800 mm, não sendo descartados períodos esporádicos de estiagem. O fenônemo da cerração (neblina) é muito comum em Lavras do Sul, ocorrendo através da condensação do ar quente com o chão gelado das ruas.

Mais de 600 espécies de animais são encontradas no Município. Os principais exemplares silvestres da fauna são o zorriho, a ema (localmente chamada de avestruz), o tatu-mulita e o maçanico do banhado. Há um grande potencial de observação de pássaros nas fazendas lavrenses.


O principal curso d'água de Lavras do Sul é o Arroio Camaquã das Lavras, que percorre a Sede Municipal, e tem cerca de 40 km de extensão. Os Arroios do Jacques e Hilário, o próprio Camaquã das Lavras e o Camaquã-Chico dão origem ao Rio Camaquã, que desemboca na Laguna dos Patos.

Segundo o último censo do IBGE, realizado em 2010, Lavras do Sul possui 7.679 habitantes, sendo o 191º município gaúcho mais populoso de um total de 497.

Cerca de 63% da população lavrense vive na zona urbana. Na zona rural (que, segundo o IBGE, com dados de 2010, tinha 2.921 habitantes), a vila do Ibaré é o núcleo de maior população, com cerca de 800 habitantes. Outras comunidades estão espalhadas pelo território lavrense, como Passo dos Carros, João Câncio, Três Vendas, Quatro Estradas, Meia-Lua, Rincão dos Saraivas, Nazária, Mantiqueira, Cardosa, Rincão dos Jacques, Lagoão, São Domingos, Rincão dos Mota, Linhares, Saibro, Três Estradas, Taboleiro, Quilombola Corredor dos Munhós, Pontas do Salso e Jaguari.

Os bairros da Zona Urbana de Lavras do Sul são: Centro, Samuel Souza, Cerrito, Madezati (ou Bairro do Paredão), Dr. Bulcão, Olaria, Cohab, Promorar e Poty Medeiros.

Segundo a Fundação de Economia e Estatística do RS, a densidade demográfica de Lavras do Sul em 2013 é de 2,9 hab/km². Com dados de 2010, da mesma fonte, a taxa de analfabetismo de pessoas com 15 anos ou mais era de 9,18% e a expectativa de vida ao nascer era de 77,05 anos.

 


Exibir mapa ampliado

Imagem de Satélite de Lavras do Sul (Fonte: Google Maps)


Exibir mapa ampliado

Imagem de Satélite do Ibaré (Fonte: Google Maps)

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Conheça Lavras do Sul!

O município gaúcho de Lavras do Sul está localizado a 324 km a sudoeste de Porto Alegre, entre Caçapava do Sul e Bagé, através de acessos pelas rodovias BR-290, BR-392 e ERS-357. Possui 7 679 habitantes, distribuídos em uma área de 2 600 km² (IBGE, 2010). Emancipado de Caçapava em 9 de maio de 1882, foi o único município gaúcho com origem na mineração do ouro. Possui as denominações carinhosas de "Pepita do Rio Grande" e "Terra do Ouro". Na atualidade, a economia se baseia na pecuária (principalmente bovinos e ovinos), comércio, fruticultura, lãs, indústrias artesanais e turismo. Tem como atrações turísticas principais a Igreja Matriz de Santo Antônio, a Praça Licinio Cardoso e o Camping Municipal (ou Praia do Paredão). O Carnaval lavrense é um dos maiores do Rio Grande do Sul e do Interior Brasileiro. Além do Carnaval, são realizadas as mais diversas festas e eventos ao longo do ano. Tudo consequência da alegria, da tranquilidade, da hospitalidade e da receptividade do povo lavrense.
A Sede está situada na latitude de 30°48’41”S e longitude 53°54’02” O. São dois os Distritos: o primeiro, Sede, com 1.240 km² aproximadamente; e o segundo, o Ibaré, com 1.360 km² aproximadamente.
A altitude média é de 300 metros acima do nível do mar (oficialmente ela está em 277 metros), mas em vários pontos, chega a 400, 450 metros. Nas regiões do extremo oeste do município, alcança apenas 98 m nas curvas do Rio Santa Maria.
Faz divisa com sete municípios: Vila Nova do Sul e Santa Margarida do Sul (norte), São Gabriel (norte e noroeste), Dom Pedrito (oeste, sul e sudoeste), Bagé (sudeste), Caçapava do Sul (leste e nordeste) e São Sepé (nordeste e norte). Até os anos 1980, havia uma pequena divisa com Rosário do Sul, que foi extinta devido a anexações aos municípios de Dom Pedrito e São Gabriel. O perímetro aproximado de divisas de Lavras do Sul é de 380 km. A distância entre os extremos leste-oeste é de cerca de 120 km.
Lavras do Sul está situada a 2.431 km de Brasília, Capital do Brasil, e a 641 km de Montevidéu, Capital do Uruguai. Localiza-se na faixa de fronteira.

SEJAM BEM-VINDOS(AS) AO BLOG INDEPENDENTE DE LAVRAS DO SUL/RS E REGIÃO. VISITEM NOSSA CIDADE E O PAMPA GAÚCHO EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO. TRABALHAMOS DESDE 2007 E LEVAMOS QUALIDADE E CARINHO A ESTA TERRA PELAS ONDAS DA INTERNET. FIQUEM À VONTADE E SIGAM CONOSCO!

No Facebook

Postagens mais visitadas