Links informativos

//// Visitar Lavras do Sul é se surpreender com um jeito peculiar e simples de levar a vida. Muitas vezes se diz que Lavras do Sul é uma grande família, por conta de sua hospitalidade entre os habitantes e para com os visitantes. Mesmo com seu tamanho de pequeno porte, possui atrações e eventos que atraem pessoas de diversos lugares e de todos os estilos, em todas as épocas do ano. Conhecendo Lavras do Sul, tu irás te surpreender. ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).

terça-feira, 29 de julho de 2014

CLIMATOLOGIA: Resumo climatológico de Lavras do Sul


Céu nublado em anoitecer em Lavras do Sul - 2014

O clima do Município é subtropical úmido, com as quatro estações do ano bem definidas, verões e invernos bem rigorosos (no verão, as temperaturas podem chegar próximas dos 40ºC, e no inverno, as médias são de 6ºC a 12ºC, podendo chegar facilmente a 0ºC, com grande ocorrência de geadas). A temperatura média anual é de 18º C (as médias gerais mínimas e máximas são, respectivamente, 12°C e 20°C). Historicamente, entretanto, a distribuição das chuvas no município é regular, e as secas ocorrem, ainda que de forma alternada.

No geral, o índice pluviométrico médio de Lavras do Sul varia entre 1.300 e 1.600 mm anuais.

Segundo o Sr. Luiz Fernando Saraiva de Sousa, e de acordo com informações coletadas desde 1983 até maio de 2012, a partir da Chácara do Laranjal, de sua propriedade, as médias de chuva históricas do Município de Lavras do Sul, são as seguintes:

Pluviosidade média por estação:

Primavera: 141 mm 
Verão: 149 mm 
Outono: 168 mm 
Inverno: 146 mm

Pluviosidade média por mês:

Janeiro: 144 mm 
Fevereiro: 156 mm 
Março: 149 mm 
Abril: 185 mm
Maio: 155 mm 
Junho: 156 mm 
Julho: 153 mm 
Agosto: 122 mm
Setembro: 163 mm 
Outubro: 162 mm 
Novembro: 140 mm 
Dezembro: 121 mm

Extremos:

Ano menos chuvoso: 1996 (1.183 mm, com média de 99 mm por mês)
Ano mais chuvoso: 2002 (2.904 mm, com média de 242 mm por mês)
Mês menos chuvoso no período 1983/2012: Novembro de 1985, 2 mm
Mês mais chuvoso no período 1983/2012: Novembro de 2009, 625 mm

Em 2010/2011 e 2011/2012, os índices de chuvas estiveram abaixo da média histórica, consequências do efeito La Niña, que consiste em um aquecimento das águas do Oceano Pacífico e que influencia nos regimes de chuvas em determinadas regiões brasileiras – chuvas no Nordeste e Sudeste e secas no Sul do Brasil, sobretudo no Rio Grande do Sul e em alguns pontos de Santa Catarina. A pluviosidade Lavras do Sul foi bastante irregular nesses períodos, sobretudo entre 2010 e 2011, época em que foi decretada situação de emergência no Município. Muitas comunidades rurais lavrenses passaram por dificuldades na produção agropecuária e no abastecimento de água.

Temperaturas médias por estação:

Primavera: entre 16°C e 20°C 
Verão: entre 20°C e 24°C 
Outono: entre 12°C e 16°C 
Inverno: entre 10°C e 14°C

Extremos médios de temperatura:

Verão: entre 39°C e 40°C 
Inverno: entre -6°C e 0°C

Nas rádios locais do Município, a temperatura é divulgada constantemente, através de medições com aparelhos e termômetros próprios. O sistema de medição de chuvas da Chácara do Laranjal, de propriedade do Sr. Luiz Fernando Souza (“Nanana”) é responsável por divulgar índices médios de chuvas em Lavras do Sul, divulgando-os periodicamente para a página do Facebook do Sindicato Rural de Lavras do Sul.

Em 2012, Lavras do Sul apresentou, segundo medições da Rádio Pepita FM, temperaturas bastante extremas nos meses de fevereiro e junho.

Em 19 de fevereiro, a temperatura registrada alcançou os 43°C. Uma das menores temperaturas registradas na história recente do Município ocorreu entre os dias 8 e 9 de junho, com média extrema de -8°C.

Embora não haja medições oficiais por parte dos órgãos oficiais nacionais de meteorologia, o Município de Lavras do Sul apresentou estas temperaturas graças às medições dos termômetros locais, índices que não podem jamais ser menosprezados, ao contrário. Faz-se necessária a implantação de uma estação oficial de meteorologia, a fim de que os dados climatológicos lavrenses sejam amplamente divulgados e analisados de forma mais detalhada.

Amplitude térmica

Analisando os índices de temperatura com Porto Alegre, por exemplo, podemos observar que Lavras do Sul apresenta índices térmicos médios de 4°C a 5°C menores que o da Capital Gaúcha. Isto se deve ao fato da ação dos ventos, frentes frias e à concentração de calor resultante da intensa urbanização. Outro fato que diferencia o clima lavrense do clima porto-alegrense é a ação das frentes frias e das instabilidades e chuvas: estas atingem primeiramente o território lavrense e rumam em direção norte até à Capital, em um processo de deslocamento, entre as duas regiões, que pode durar de 4 a 8 horas a partir do início das precipitações em Lavras do Sul, dependendo de sua intensidade.

Alguns pontos de Lavras do Sul ainda podem, no inverno, apresentar temperaturas semelhantes às encontradas nos pontos mais altos do Planalto Meridional . Embora haja uma considerável diferença de altitude média entre as duas regiões , é interessante salientar que a semelhança do frio lavrense com o frio serrano ocorre pela proximidade com as regiões temperadas da Argentina e Uruguai e, conforme citado na nota de rodapé 23, pela ação direta e imediata das frentes frias, o que faz com que sejam percebidos em território lavrense índices de temperatura e sensação térmica idênticos a de regiões como a dos Aparados da Serra e dos municípios de Bom Jesus, Cambará do Sul e São José dos Ausentes, considerados oficialmente como os municípios mais frios do Rio Grande do Sul.

Climogramas do Ibaré e Lavras do Sul 
Climograma do Ibaré - FONTE: Tempo Agora

Climograma de Lavras do Sul - FONTE: Tempo Agora



Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Conheça Lavras do Sul!

O município gaúcho de Lavras do Sul está localizado a 324 km a sudoeste de Porto Alegre, entre Caçapava do Sul e Bagé, através de acessos pelas rodovias BR-290, BR-392 e ERS-357. Possui 7 679 habitantes, distribuídos em uma área de 2 600 km² (IBGE, 2010). Emancipado de Caçapava em 9 de maio de 1882, foi o único município gaúcho com origem na mineração do ouro. Possui as denominações carinhosas de "Pepita do Rio Grande" e "Terra do Ouro". Na atualidade, a economia se baseia na pecuária (principalmente bovinos e ovinos), comércio, fruticultura, lãs, indústrias artesanais e turismo. Tem como atrações turísticas principais a Igreja Matriz de Santo Antônio, a Praça Licinio Cardoso e o Camping Municipal (ou Praia do Paredão). O Carnaval lavrense é um dos maiores do Rio Grande do Sul e do Interior Brasileiro. Além do Carnaval, são realizadas as mais diversas festas e eventos ao longo do ano. Tudo consequência da alegria, da tranquilidade, da hospitalidade e da receptividade do povo lavrense.
A Sede está situada na latitude de 30°48’41”S e longitude 53°54’02” O. São dois os Distritos: o primeiro, Sede, com 1.240 km² aproximadamente; e o segundo, o Ibaré, com 1.360 km² aproximadamente.
A altitude média é de 300 metros acima do nível do mar (oficialmente ela está em 277 metros), mas em vários pontos, chega a 400, 450 metros. Nas regiões do extremo oeste do município, alcança apenas 98 m nas curvas do Rio Santa Maria.
Faz divisa com sete municípios: Vila Nova do Sul e Santa Margarida do Sul (norte), São Gabriel (norte e noroeste), Dom Pedrito (oeste, sul e sudoeste), Bagé (sudeste), Caçapava do Sul (leste e nordeste) e São Sepé (nordeste e norte). Até os anos 1980, havia uma pequena divisa com Rosário do Sul, que foi extinta devido a anexações aos municípios de Dom Pedrito e São Gabriel. O perímetro aproximado de divisas de Lavras do Sul é de 380 km. A distância entre os extremos leste-oeste é de cerca de 120 km.
Lavras do Sul está situada a 2.431 km de Brasília, Capital do Brasil, e a 641 km de Montevidéu, Capital do Uruguai. Localiza-se na faixa de fronteira.

SEJAM BEM-VINDOS(AS) AO BLOG INDEPENDENTE DE LAVRAS DO SUL/RS E REGIÃO. VISITEM NOSSA CIDADE E O PAMPA GAÚCHO EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO. TRABALHAMOS DESDE 2007 E LEVAMOS QUALIDADE E CARINHO A ESTA TERRA PELAS ONDAS DA INTERNET. FIQUEM À VONTADE E SIGAM CONOSCO!

No Facebook

Postagens mais visitadas