Links informativos

Visitar Lavras do Sul é se surpreender com um jeito peculiar e simples de levar a vida. Muitas vezes se diz que Lavras do Sul é uma grande família, por conta de sua hospitalidade entre os habitantes e para com os visitantes. Mesmo com seu tamanho de pequeno porte, possui atrações e eventos que atraem pessoas de diversos lugares e de todos os estilos, em todas as épocas do ano. Conhecendo Lavras do Sul, tu irás te surpreender. ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).

domingo, 25 de novembro de 2012

ENCICLOPÉDIA: Informações turísticas do Peru





A seguir, prestação de serviços aos brasileiros que irão viajar para o Peru em abril de 2013, no EGAL (Encontro de Geografia da América Latina). Confira algumas características deste importante país sul-americano.

1. Introdução

É preciso voar só quatro horas, partindo de São Paulo, para aterrissar diretamente no mundo de riqueza cultural, histórica, geográfica e mística que é o Peru. Quase sete vezes menor que o Brasil, o país atrai a atenção de turistas de todo o mundo pela multiplicidade de paisagens, pelo colorido das vestes indígenas, pelos magníficos santuários arqueológicos, pelo patrimônio ecológico que preserva e também pela herança arquitetônica católica deixada pelos espanhóis, que lá chegaram em 1532.

Nas primeiras horas passadas em Lima sente-se a acolhida do povo peruano, predominantemente indígena. Dos 24,2 milhões de habitantes, 47,1% são quíchuas, 12%, aimarás, 12%, mestiços - apenas 12% são brancos. Simpáticos e alegres, os peruanos têm um carinho todo especial pelos brasileiros, demonstrado em gestos símpaticos quando descobrem quando as pessoas são do Brasil.

Prepare-se também para ficar com água na boca ao longo da viagem pelo território peruano: come-se muito bem por lá. A produção de pescados e seus subprodutos tem boa representatividade na economia. Em Lima, o cartão de visita gastronômico é o ceviche - prato à base de frutos do mar e peixes marinados (curtidos em limão), delicioso.

A tradição da boa cozinha se mantém acima do nível do mar, em cidades como Arequipa e Cuzco, respectivamente a 2.360 metros e 3,4 mil metros de altitude, onde a culinária é mais exótica e apimentada. Há uma boa oferta de restaurantes típicos e de cozinha internacional tanto nessas cidades como na capital.

Para a alegria dos turistas mais animados, a noite peruana não fica limitada a um bom jantar. Bares transados, bistrôs, pubs e boates funcionam madrugada adentro. Aí, é hora de optar pelo mais famoso drinque peruano - o pisco sour, um aguardente de uva - ou pela boa cerveja produzida naquelas bandas.

Ao desembarcar na capital peruana o turista percebe que raramente chove em Lima. Prédios baixos lembram que há um risco natural, resultante da geografia: o de ocorrer um terremoto.

O país é dividido por três regiões distintas: Lima está situada na costa do Pacífico, faixa litorânea desértica, onde o clima é árido e tropical. A Cordilheira dos Andes, com vales profundos, inúmeros rios e reservas minerais, sustenta uma área de clima montanhoso. A região amazônica, de clima equatorial, preenche 62% do território peruano.

Essa diversidade geográfica é a grande atração natural do Peru. Se em Lima o casamento deserto e praia atrai a atenção, em Arequipa destaca-se o vulcão Misty, com 5.278 metros de altitude e pico sempre nevado. Em Cuzco predominam os vales e montanhas verdes.

Visitar o Peru significa também viajar pelo tempo e descobrir as maravilhas do mundo inca, civilização que ainda surpreende por suas elaboradas obras arquitetônicas - a maior delas, incontestavelmente, Machu Picchu, cidade encravada nas montanhas, que só foi descoberta em 1911.

O contraste com os santuários arqueológicos, que falam de um povo que cultuava elementos da natureza e tinham como deus máximo o Sol, traduz-se em centenas de igrejas.

Terceiro maior país da América do Sul, o Peru foi sede do Império Inca até a chegada dos espanhóis, no século XVI. Vestígios dessa civilização estão preservados no santuário de Machu Picchu e na cidade de Cuzco, considerados patrimônios da humanidade. Outras atrações são as ruínas de Nazca e o lago Titicaca, situado a 3.810 metros de altitude. O território peruano, banhado pelo oceano Pacífico, é dividido em três regiões pela cordilheira dos Andes. O litoral, desértico, concentra as maiores cidades e a capital, Lima. O altiplano andino é povoado por indígenas. A leste da cordilheira fica a Amazônia peruana, onde estão as nascentes que formam o rio Amazonas. A agricultura e a mineração são as principais fontes de receita.

Disposto a incrementar o setor de turismo, o governo peruano, por meio da Comisión de Promoción del Peru (PromPeru) criou o Serviço de Proteção ao Turista e o Hot Line, um serviço telefônico que funciona 24 horas para atender a reclamações de visitantes e apresentar soluções rápidas para seus problemas.

2. Recomendações da Polícia Nacional do Peru aos Turistas

“A Direção de Turismo e Ecologia da Polícia Nacional do Peru é a Unidade Especializada da Polícia, encarregada de prestar proteção e segurança aos turistas nacionais e estrangeiros em suas respectivas línguas, bem como preservar a ecologia e o meio ambiente.

“Os Anjos Guardiães do Turismo” –como são conhecidos os efetivos policiais desta Grande Unidade-, prestam aos amigos turistas as seguintes recomendações e conselhos:

No aeroporto:

* Leve sempre seu passaporte.
* Quando utilizar os serviços de um operador turístico, identifique o condutor do veículo, e verifique sua carteira de identidade.
* Ao chegar ao país, verifique o tipo de cambio da moeda.
* Tenha cuidado com seus objetos pessoais
* Contrate os serviços de um táxi no interior do aeroporto.

Nos táxis:

* Utilize o serviço de uma companhia de táxi, e só pague quando chegar a seu destino.
* Ao subir e descer do táxi verifique sua bagagem e identifique a placa do veículo.
* Se o motorista ou outra pessoa por alguma razão lhe pedir que desça do veículo, assegure-se de levar consigo seus objetos, caso contrário o taxista poderia abandonar o local com suas coisas (Este é um dos métodos mais usados para roubar a turistas).
* Em caso de avaria de seu veículo, exija seu translado em outro veículo da mesma empresa.
* Não aceite pessoas estranhas ou passageiros em seu táxi.
* O serviço É exclusivamente seu.

Nos hotéis:

* Evite o ingresso de pessoas estranhas em seu quarto.
* Não aceite convites nem pacotes de estranhos

Na via pública:

* Visite as atrações turísticas durante as horas programadas.
* Trate de localizar um membro da Polícia de Turismo para obter informação turística.
* Não caminhe nem permaneça em lugares onde há muita gente congregada.
* Leve fotocópia de seu passaporte (nunca o original), e evite levar consigo grandes somas de dinheiro, (leve o dinheiro e cartões de crédito nos bolsos especiais aderidos ao corpo).
* Não caminhe em lugares escuros e a altas horas da noite. Procure faze-lo só em lugares iluminados.
* Evite conversar com pessoas estranhas.
* Lembre-se que é ilegal transportar, possuir, vender e consumir drogas.

Restaurantes e ambientes fechados:

* Ponha sua bolsa de mão em um lugar visível para seu controle ou solicite sua custódia, do mesmo modo segure sua bolsa de mão todo o tempo quando estiver de compras.
* Não descuide seus objetos.
* Cuide de sua saúde ingerindo alimentos e refrigerantes em lugares de boa reputação.
* Beba água engarrafada.

Quando realizar câmbio de moeda:

* Realize o cambio de moeda em casa de câmbio.
* Evite o uso de caixas automáticas; é mais seguro utilizar seus cartões de crédito no interior dos bancos.

Em caso de que seja vítima de atos delituosos

* Evite resistir para não ser ferido.
* Trate de memorizar as características físicas dos supostos autores ou veículos; e comunique à Polícia Nacional do Peru (PNP).
* Em caso de requerer auxílio ou observar atitudes suspeitas de pessoas que caminhem a pé o em veículo, comunique-se imediatamente com a PNP. Central de Emergência 105 ou a Polícia de Turismo: 460-1060 ou 460-0844, disponível as 24 horas do dia.
* Para qualquer informação, entre em contato com os correios eletrônicos: dirture.ceopol@pnp.gob.pe   dirture.sec.@pnp.gob.pe.

Na prática de esportes extremos de aventura:

* Antes de praticar esportes de montanha você deve utilizar um bom processo de aclimatação ao meio ambiente.
* Assegure-se de contatar com guias autorizados e qualificados para a prática de esportes de aventura: rafting, caiaque, trekking/hiking, espeleologia, escalada, ski, paragliding, hang-gliding  (asa delta), parasaling.
* Assegure-se de obter informação sobre o clima e o estado do tempo.
* Informe-se das rotas estabelecidas para a prática dos esportes de aventura.
* Registre-se nos pontos de ingresso aos parques nacionais.
* Cuide sua bagagem quando viajar em qualquer meio de transporte dentro do país.
* Cuide e proteja a flora e a fauna.
* É proibido caçar, possuir, transportar ou comercializar animais silvestres sem a autorização correspondente.”

3. Acesso a Informações Gerais:

PromPeru
Calle 1 Oeste Nº 50, Córpac, San Isidro (51 1) 224-9355
Horário: S-S 9/ 13h / 14:30/17h tel. 0800-4-2579
iperu@promperu.gob.pe

Aeropuerto Internacional

Jorge Chávez
(Hall Principal)
(51 1) 574-8000
Horário: S-D: 24 horas
iperulima@promperu.gob.pe

iPeru
Jorge Basadre 610,
San Isidro
(51 1) 421-1227 / 421-1627
 Horário: S-D: 08:30 - 18:00
iperu@promperu.gob.pe

4. Transportes Terrestres

O  transporte conta com ônibus e microônibus, além de serviço de táxis a ser mobilizado dentro do perímetro da cidade. A partir de Lima, pode-se desfrutar da Costa Verde peruana – que fica a menos de 15 minutos do centro histórico em carro.

As unidades do transporte público, oferecem o serviço , geralmente, a partir das cinco horas da manhã até às 12 horas da noite. Alguns veículos fazem serviço noturno, com acréscimo de 50%.  No serviço de táxi, existem até três modalidades: o do aeroporto e para a saída dos hotéis, cujas unidades são de cor preta; as companhias de táxi que recebem pedidos  através de telefone e, finalmente, os motoristas de táxi comum cujas unidades são de cor amarela. Também não há taxímetros, portanto as taxas são negociadas antes de do início da corrida.

Para os que queiram viajar de trem pelo país, há serviços de Lima para Arequipa, Puno e Cusco, e diariamente de Cusco para Machu Picchu, com as empresas Sevicio Inka, Turismo, Autovagón y Ferrostal, que variam em preço, qualidade e horários. mAis informações:  www.perurail.com.

5. Clima

Por estar o pais situado na costa sub-tropical, a temperatura média varia entre os 14o e 27o C. Na serra, o clima é frio e seco, com uma temperatura que varia entre os 9o e 18o C. Na selva, é cálido e úmido, e a temperatura média é de 25o a 28o C. O clima moderado permite que o turista possa visitar o país a qualquer época do ano.

6. Idioma

Os idiomas oficiais são o espanhol e o quéchua. Este último e o aymará são falados pelas populações da serra. Na selva falam-se numerosas línguas.

7. Moeda

Desde o 1° de julho de 1991, a moeda oficial é o Novo Sol (S/.). Existem notas de S/. 10, S/. 20, S/. 50, S/. 100 e S/. 200. Também circulam oficialmente moedas de 1, 2, 5 novos soles, e moedas de centavos de 5, 10, 20, e 50.

8. Câmbio

O dólar americano é aceito na maioria dos locais comerciais, restaurantes e casas de câmbio, e até em supermercados, onde muitas mercadorias importadas são vendidas diretamente em dólares americanos. A cotação do dia para o dólar americano pode ser encontrada em  www.editoraperu.com.pe . Ultimas oscilações variavam em torno de 2.80 soles para  compra e 2.94 soles para venda.

Cartões de crédito internacionais (Visa, Master Card, Diners e American Express)  são aceitos largamente, ao contrário dos Travellers Checks, que têm mais limitações.

Números úteis para cancelamentos

Cancelamento de Cartões de Crédito
Visa: 001- 800-4281858 / 1 – 410- 5810120
Master Card: (01) 311-6000
American Express: (525) 326-2660
Diners Club: (01) 221-2050

Cancelamento de TC´s American Express:
001-800-8602908

9. Eletricidade

A voltagem da rede elétrica no Peru é de 220V, mas muitos hotéis possuem entrada 110V

10. Imigração e Alfândega

Os cidadãos do Brasil só precisam de passaporte vigente.

É necessário lembrar que no país existe um imposto de saída de US$ 30,25 que é pago nas agências bancárias do aeroporto, ou nos balcões das companhias aéreas. Só estão exonerados deste pagamento os passageiros em trânsito que não exceda as 48 horas, e as crianças menores de 12 anos.

Para os que estejam levando material promocional para o evento, é importante que todo ele esteja devidamente identificado em seu conteúdo e destino, e sempre que possível, ter consigo documentação de inscrição no evento.

11. Vacinação

Para o ingresso no Peru é imprescindível levar o atestado de vacina contra febre amarela, que deverá ser tomada até 10(dez) dias antes da viagem para validar a mesma.

12. Ligações Para o Brasil

Disque grátis 080050190 para solicitar uma chamada a cobrar para o Brasil

13. Diferença de Fuso Horário

-2 h em relação a Brasília

14. Horários de funcionamento

Bancos: Segunda a Sexta, 9/18h

Viceministerio de Turismo: Segunda a Sexta, 8:15/17:30h

Comisión de Promoción del Peru: Segunda a Sexta, 8:30/17:30h

Agências de viagens e turismo: Segunda a Sexta, 9/18h; Sábado, 9:30/13h

15. Medidas Sanitárias

* Ser cuidadoso com água que não seja mineral, verduras e frutas cruas
* Não comer em barracas na rua
* Para quem vai às Serras, o “mal de altura” (soroche) pode ser amenizado procurando-se descansar em seu primeiro dia na cidade e consumindo-se refeições leves.– Se vai viajar para a selva ou mata após o evento, recomenda-se levar repelente, capa impermeável e tênis para caminhadas
* Em caso de mal-estar, confie na indicação de sua agência de viagens de confiança ou o pessoal do local onde esteja se hospedando

16. Alfândega

Entrada

Ao chegar ao Peru é necessário preencher uma declaração de alfândega, em que constem os objetos que paguem imposto e que estão especificados no verso do documento. Os artigos que podem entrar livremente no país são os normais de qualquer viajante.

Uma vez passado o controle de passaportes e antes de sair do aeroporto, é necessário passar por um sistema de controle que consiste no passageiro apertar um botão, que quando sinaliza vermelho, significa que vai haver uma revista da bagagem do passageiro pelas autoridades locais.

Saída

É absolutamente proibido levar objetos de arte pré-colombiana, embora alguns locais as vendam livremente. Também não é aconselhável levar folhas de coca ainda que não esteja especificamente proibido. No país, o consumo de folhas de coca é natural e vende-se legalmente para fazer um chá ou para mascar. A saída com este produto pode ser um motivo de problema na alfândega.

17. Atrações

O Peru é incrivelmente rico por sua arqueologia e grandes belezas naturais – e Lima, por sua vez,  funciona em um ritmo mais calmo do que muitas metrópoles sul americanas, orgulhando-se de ser tradicional.

Diversos museus indicam e preservam o passado dourado do Peru, incluindo o mais famoso e notável Museo Nacional de Antropologica y Arqueologica. No sul de Lima, praias brancas e longas de águas frias completam o cenário.

Bairros mais conhecidos de Lima:

Centro (Centro Histórico, que apesar de necessitar, apresenta boas surpresas históricas e arquitetônicas)

Pueblo Libre  e San Borja (Museus e cultura)

San Isidro(Áreas nobre, restaurantes, hotéis)

Miraflores (Áreas nobre e charmosa, restaurantes, bares, compras, hotéis)

Barranco (Bairro boêmio, cultural, com variada gastronomia e entretenimento. Imperdível!)

Museo Nacional de Antropologica y Arqueologica . -  Plaza Bolivar, Pueblo Libre - Abriga a coleção mais extensiva da nação de artefatos de pré-Columbianos e mantém uma reputação internacional.Cerâmicas, Obeliscos de granito, e as texturas das várias culturas pré-Columbianas, incluindo o Nazca - são indicados aqui, oferecendo aos visitantes uma introdução às grandes civilizações que floresceram em há centenas de anos no Peru.

Museo de Oro - Ave. Alonso de Molina 100, Monterico - O Museo de Oro é um museu devotado completamente a guardar os tesouros legendários de civilizações pré-columbianas do antigo Peru. Sua coleção inclui partes do fabulosos tesouro dourado dos Incas.Com 6.500 imagens, pratos e objetos cerimoniais, exibe peças de ouro. O museu possui também uma seção colonial com armas de fogo do século XVI.

Igreja de San Francisco - Ancash 471 (Centro) - A igreja de San Francisco é um do mais notável edifícios coloniais espanhóis. Sua decoração é extraordinária. A coleção imensa do monastério é feita de livros e de antigas catacumbas abaixo das terras da igreja, descobertas em 1951, são realmente impressionantes. De estilo barroco, tem um dos mais belos portais de Lima.

Parque Las Leyendas - La Marina del comma Block 24 - No Parque Las Leyendas, um jardim zoológico com animais selvagens peruanos, onde os visitantes podem descobrir a flora e a fauna de três habitats distintos de Peru: a Costa, a Serra e a Selva.

La Catedral -  Plaza Mayor -  Terminada no século XVII, a catedral foi reconstruída após o terremoto1746. Além da decoração barroca impressionante, tem um museu da arte e de artefatos religiosos cujo o destaque é a tumba de Pizarro.

17a. Casas Noturnas em Lima

La Noche, Bolognesi 307, Barranco (tel. 01/477-5829).

El Ekeko, Av. Grau 266, Barranco (tel. 01/247-3148)

La Estación de Barranco, Pedro de Osma 112 (tel. 01/247-0344)

Satchmo, Av. La Paz 538, Miraflores (tel. 01/444-4957)

Caballero de Fina Estampa, Av. del Ejército 800, Miraflores (tel. 01/441-0552),

De Rompe y Raja, Manuel Segura 127, Barranco (tel. 01/247-3271)

Las Guitarras, Manuel Segura 295, Barranco (tel. 01/479-1874)

Brisas del Titicaca, Jr. Walkulski 168,C/ Avenida Brasil -Lima Centro (tel. 01/332-1901)

Manos Morenas, Pedro de Osma 409 (tel. 01/467-0421)

Sachún, Av. del Ejército 657, Miraflores (tel. 01/441-4465)

La Candelaria, Bolognesi 292, Barranco (tel. 01/247-1314)

17b. Bares

Deja-Vu Trattoria & Bar, Av. Grau 294, Barranco (tel. 01/247-3742)

Kitsch, Bolognesi 743, Barranco

Tequila Rocks, Calle Diez Canseco 146, Miraflores (tel. 01/444-3661)

A Media Cuadra (Pub)  Av. San Martín 443 - Miraflores

Hard Rock Cafe (Pub) Centro Comercial Larco Mar – Miraflores

Freiheit, Lima 471, Miraflores(tel. 01/247-4630)

O'Murphy's Irish Pub, Shell 627, Miraflores (tel. 01/242-1212

Son de Cuba Bulevar San Ramón 277, Miraflores (tel. 01/445-1444)

Amnesia, Bulevar Sánchez Carrión 153, Barranco(. 01/477-9577)

17c. Cassinos

Gran Hotel Miraflores Av. 28 de Julio 151 - Miraflores - Aberto 24 horas.

María Angola Av. La paz 610 - Miraflores  - Aberto todos os dias, de 18/6h.

17d. Compras

* Antiguidades e bijuterias

ILARIA, Av. Larco 1325 (tel. 01/444-2347)

EL TUPO, La Paz 553 (tel. 01/444-1511).

EL ALMACÉN DE ARTE, Francia 339 - Miraflores (tel. 01/4456264)

PORTA 735, Porta 735 Miraflores (tel. 01/447-6158).

* Artesanato e Têxteis

MERCADO ÍNDIO Petit Thouars em Miraflores  O mercado colorido de Indio (Mercado Indio) é onde os vendedores negociam roupa de lã fina,  madeira entalhada, tamboretes, jóias de prata, e outras curiosidades.

FEIRA ARTESANAL Avenida de la Marina no bairro de Pueblo. Tem todos tipos de artigos sobre de Peru.

SILVANIA PRINTS Miraflores e San Isidro  Roupas em Algodão inspiradas na arte Pré-Colombiana

ARTESANÍAS MIRAFLORES Avenida Ricardo Palma, no. 205

ARTESANÍA EXPO INTI, Avenida Petit Thouars no. 5495

AGUA Y TIERRA, Diez Canseco 298 (tel. 01/445-6980)

SILVANIA PRINTS, Diez Canseco 378 (tel. 01/242-0667)

ALPACA 111, Av. Larco 671 (tel. 01/447-1623)

ALPACA PERU, Diez Canseco 315 (tel. 01/241-4175)

MON REPOS, Tarata 288 (tel. 01/445-9740)

ALL ALPACA, Av. Schell 375 (tel. 01/427-4704).

* Shoppings e mercados

SHOPPING CENTERS E MERCADOS

JOCKEY PLAZA SHOPPING CENTER  Javier Prado Este 42200 - Surco

MERCADO CENTRAL  Plaza Mayor Sul

CENTRO COMERCIAL LARCO MAR, Parque Salazar (perto do Marriott)

18. Informações turísticas

Uma cabine de apoio 24h (tel. 01/574-8000) opera dentro do aeroporto internacional e oferece variados serviços, incluindo câmbio de moeda. A Oficina de Información Turística se localiza na Plaza de Armas, no Centro (tel.01/427-6080). Aberta de Segunda a Sexta 9/18h, Sábados e Domingos 10/17h.

19. Prestadoras de serviços turísticos

FERTUR PERÚ Jr. Junín 211 and Azángaro 105,tel. 01/427-1958).

SOUTH AMERICAN EXPLORERS, Piura 135, Miraflores (tel. 01/445-3306; www.samexplo.org )

LIMA TOURS Belén 1040 (tel. 01/424-5110; www.limatours.com.pe) Passeio ½ dia no centro de Lima custa cerca de US$25

LIMA VISIÓN, Jr. Chiclayo 444, Miraflores (tel. 01/447-0482; www.peruvision.com )

CONTACTO LIMA (tel. 01/224-3854; contactolima@tsi.com.pe )

TOURS A PÉ - Oferecidas pela prefeitura de Lima. Tel. 01/427-4848 or 01/427-6080, ext. 222.

EL BUS PARRANDERO, Av. Benavides 330, of. 101, Miraflores (tel. 01/445-4755; www.busparrandero.com)

20. Bancos

SCOTIA BANK -- Lima - Tel: 311-6000 e 447-5053

BANCO CENTRAL DE RESERVA DEL PERU - Av. Miroquesada 441 - Lima - Tel: 427-6250

BANCO DE CREDITO DEL PERU - Sede central de la Molina - Centenario 156 - Tel: 349-0304

BANCO DE LA NACION - Av. N. de Pierola 1065 - Lima - Tel: 426-2000

21. Clínicas

CLÍNICA TESA – Av. del Polo, 570 – Monterico. Tel. 610-5050

CLINICA INTERNACIONAL - Jr. Washington 1471 - Lima - Tel: 433-4306

CLINICA SANTA LUCIA - Av. Guardia Civil 301 - San Borja - Tel: 475-2129

22. Tele táxi

Tel. 445-2421

23. Aluguel de veículos

AVIS (tel. 01/575-0912, ext. 4155; http://www.perurail.com)

BUDGET (tel. 01/575-1674; www.budget.com)

HERTZ (tel. 01/575-1390; www.hertz.com)



Exibir mapa ampliado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

No Facebook

Postagens mais visitadas