Links informativos

EXTRA: No início da madrugada deste domingo, saiu o resultado dos representantes da Corte do Carnaval de Lavras do Sul em 2019. Confiram os nomes e seus respectivos blocos: Rei Momo Infantil = Joaquim Barbosa (Grupo dos Relaxados) Rainha Infantil = Valentine Silva (Pérola Negra) Rei Momo Adulto = Samuel dos Santos (Grupo dos Relaxados) Rainha Adulta = Maria Luiza (Bloco BDF). Mais informações e fotos em breve! ----- Visitar Lavras do Sul é se surpreender com um jeito peculiar e simples de levar a vida. Muitas vezes se diz que Lavras do Sul é uma grande família, por conta de sua hospitalidade entre os habitantes e para com os visitantes. Apesar de seu tamanho de pequeno porte, possui atrações e eventos que atraem pessoas de diversos lugares e de todos os estilos, em todas as épocas do ano. Conhecendo Lavras do Sul, tu irás te surpreender. ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).

LITERATURA


Biblioteca Anita Medeiros


Livros de autores lavrenses - Foto: Pampa Agroveterinária

Lavras do Sul revela diversos talentos na literatura e muitos deles tem espaço na cena literária do Rio Grande do Sul. Temos talentos em todas as idades.

A Biblioteca Pública Municipal Professora Anita Ferreira de Medeiros localiza-se dentro da Casa de Cultura José Néri da Silveira (Rua Adão Teixeira da Silveira, 400) e tem um acervo disponível à comunidade de diversas obras e coleções. Funciona das 8h às 14h, de segunda a sexta, exceto feriados.

Entre 2014 e 2015 foram realizadas oficinas literárias na Casa de Cultura José Néri da Silveira, que deram origem a uma agenda cultural com textos criados nos encontros, por autores de diversas idades.

Com 13 edições realizadas, a Feira do Livro de Lavras do Sul (que já foi aconteceu em locais como o Clube Comercial e o Ginásio da Escola Estadual Licínio Cardoso e, em tempos mais antigos, na Praça Licínio Cardoso) é o palco de atividades culturais para a comunidade, como teatro, palestras, apresentações artísticas e venda dos últimos lançamentos na literatura nacional (em 2017, esteve presente a Livraria Nativa, de Bagé). Na edição de 2017, a Feira teve como patrono Toti Teixeira e recebeu as presenças do historiador carioca Clóvis Bulcão e do geógrafo Murilo Góes (autor do Panorama Lavrense). Em 2011, o evento recebeu a presença do famoso escritor Fabricio Carpinejar.

Vários autores ligados ao Município participam de Feiras do Livro em outras cidades, como Caçapava do Sul, Bagé, Santa Maria e Porto Alegre.

Algumas obras importantes da literatura em nosso Município

Lavras do Sul: Na bateia do tempo - Edilberto Teixeira

Consideradas uma das mais ricas e extensas obras sobre o Município, foi publicada em 1992 pela Universidade Federal de Santa Maria e está em dois volumes, contando aspectos históricos, geográficos e gerais de Lavras do Sul. É uma das maiores referências bibliográficas lavrenses e pode ser encontrada na Biblioteca Pública do Estado, de Porto Alegre.

De todo laço - Blau Souza

Livro que conta histórias e causos e tradições do Município e aborda temas como as famílias tradicionais formadoras da identidade lavrense. O Dr. Blau Souza é médico cardiologista em Porto Alegre e deixou um grande legado de obras literárias. Pode ser encontrado em alguns sebos na Capital e na Biblioteca da Ulbra Canoas.

Lavras do Sul, o relevo de tua história - João Francisco Trein Leite

Publicado em Bagé, em 2005, é uma versão compacta e adpaptada do livro de Edliberto Teixeira, com informações atualizadas de Lavras do Sul.

Das Lavras e Nós - Toti Teixeira

De 2011, publicado em Porto Alegre, traça a evolução histórica de Lavras do Sul, dando grande ênfase ao Clube, ao Sindicato Rural e às personalidades que gerenciaram estas instituições; além de descrever os mandatos dos intendente e prefeitos, assim como suas realizações em prol do Município. Toti Teixeira foi homenageado na Feira do Livro de Lavras do Sul de 2017 como Patrono e escreveu também o livro A Galocha, alusivo ao bloco Vae de Qualquer Geito.

Olhares da minha terra - Gujo Teixeira

Com fotos de Charles Lopes, Daniele Moreira, Helena Teixeira e Nina Boeira, o livro tem uma excelente apresentação editorial e é totalmente colorido. Em versos e fotos, mostra cliques e detalhes da arquitetura e das paisagens e aspectos lavrenses. Lançado em 2013 por uma editora de Santa Maria.

Lista de autores lavrenses e obras

Edilberto Teixeira (in memoriam)

* Lavras do Sul: Na bateia do tempo

Blau Souza

* Contos do Sobrado
* De todo Laço
* De Janguta a seu Ari - Memória de um Capataz de Estância
* Médicos (PR)escrevem - Volumes 1 a 7
* Pela palavra empenhada - a Revolução de 1932
* Uma no cravo, outra na ferradura
* Por falar em passarinhos... Crônicas do Pampa
* A Bagé das minhas Lavras
* Poesia, cotidiano e sonho

Gujo Teixeira

* Sétimas de Mundaréu
* Na madrugada dos galos
* O Inventário da Sombra
* Amansador de Palavras
* Os Olhos do Campo
* Olhares da minha Terra

Toti Teixeira

* A Galocha
* Das Lavras e nós

Maria Esther

* De Rio e Pedras – Verso e Prosa
* Sem Parar
* Reflexões sobre práticas em Educação Especial

Ivan Sérgio Rodrigues Bulcão

* A escola e o processo educacional: uma psicologia pós moderna

José Adão Figueiredo
* Crônicas de Bar (vols. 1 e 2)
* Bastidores Jurídicos

João Francisco Trein Leite

* Lavras do Sul, o relevo de tua história

Fernando Adauto Loureiro de Souza (in memoriam)

* Tropeando (1 e 2)

Participações em publicações

* Amábile Almeida Alves e Elenara Biagi Machado (Palavras 2014)
* Kariny Simões (Crianças e Jovens do Rio Grande Escrevendo Histórias - 2014)
* José Antônio Rodrigues Neto (Crianças e Jovens do Rio Grande Escrevendo Histórias - 2016)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Mapa (Google Maps)

FONTE: Google Maps.

Conheça Lavras do Sul!

O município gaúcho de Lavras do Sul está localizado a 324 km a sudoeste de Porto Alegre, entre Caçapava do Sul e Bagé, através de acessos pelas rodovias BR-290, BR-392 e ERS-357. Possui 7 679 habitantes, distribuídos em uma área de 2 600 km² (IBGE, 2010). Emancipado de Caçapava em 9 de maio de 1882, foi o único município gaúcho com origem na mineração do ouro. Possui as denominações carinhosas de "Pepita do Rio Grande" e "Terra do Ouro". Na atualidade, a economia se baseia na pecuária (principalmente bovinos e ovinos), comércio, fruticultura, lãs, indústrias artesanais e turismo. Tem como atrações turísticas principais a Igreja Matriz de Santo Antônio, a Praça Licinio Cardoso e o Camping Municipal (ou Praia do Paredão). O Carnaval lavrense é um dos maiores do Rio Grande do Sul e do Interior Brasileiro. Além do Carnaval, são realizadas as mais diversas festas e eventos ao longo do ano. Tudo consequência da alegria, da tranquilidade, da hospitalidade e da receptividade do povo lavrense.
A Sede está situada na latitude de 30°48’41”S e longitude 53°54’02” O. São dois os Distritos: o primeiro, Sede, com 1.240 km² aproximadamente; e o segundo, o Ibaré, com 1.360 km² aproximadamente.
A altitude média é de 300 metros acima do nível do mar (oficialmente ela está em 277 metros), mas em vários pontos, chega a 400, 450 metros. Nas regiões do extremo oeste do município, alcança apenas 98 m nas curvas do Rio Santa Maria.
Faz divisa com sete municípios: Vila Nova do Sul e Santa Margarida do Sul (norte), São Gabriel (norte e noroeste), Dom Pedrito (oeste, sul e sudoeste), Bagé (sudeste), Caçapava do Sul (leste e nordeste) e São Sepé (nordeste e norte). Até os anos 1980, havia uma pequena divisa com Rosário do Sul, que foi extinta devido a anexações aos municípios de Dom Pedrito e São Gabriel. O perímetro aproximado de divisas de Lavras do Sul é de 380 km. A distância entre os extremos leste-oeste é de cerca de 120 km.
Lavras do Sul está situada a 2.431 km de Brasília, Capital do Brasil, e a 641 km de Montevidéu, Capital do Uruguai. Localiza-se na faixa de fronteira.

SEJAM BEM-VINDOS(AS) AO BLOG INDEPENDENTE DE LAVRAS DO SUL/RS E REGIÃO. VISITEM NOSSA CIDADE E O PAMPA GAÚCHO EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO. TRABALHAMOS DESDE 2007 E LEVAMOS QUALIDADE E CARINHO A ESTA TERRA PELAS ONDAS DA INTERNET. FIQUEM À VONTADE E SIGAM CONOSCO!

No Facebook