Pular para o conteúdo

Concurso Rainha Felaic 1996. Arquivo foto CCJNS nº 2,424

 

Grande evento dos anos 1990 em Lavras do Sul, a Escolha da Rainha da FELAIC (Feira Lavrense de Indústria e Comércio) movimentava a cidade. O evento ocorria no Ginásio Municipal de Esportes Fernando Pelizzer Teixeira.

A internauta Emilene Krause nos passou as informações das vencedoras deste concurso em 1996. Foram elas:

  • Rainha: Gisele Fernandes
  • Primeira Princesa: Marina Tunholi De Souza
  • Segunda Princesa: Emilene Krause

A seguir, seguem informações retiradas da Biblioteca do IBGE, sobre a formação administrativa e política de Lavras do Sul:

* Distrito criado com a denominação de Lavras, por lei provincial nº 82, de 13-11-1847, criado também por ato municipal nº 16, de 12-10-1896, no município de Caçapava.
* Elevado à categoria de vila com a denominação de Lavras, por lei provincial nº 364, de 09-05-1882, desmembrado de Caçapava. Constituído do distrito sede. Instalado em 28-01-1893.
* Por ato municipal nº 16, de 12-10-1896, é criado o distrito de Jaguari e anexado ao município de Lavras.
* Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 2 distritos: Lavras e Jaguari. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1936.
* Em divisão territorial datada de 31-XII-1937, o município aparece constituído de 2 distritos: Lavras e Ibaré. Não aparecendo o distrito de Jaguari.
* No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 2 distritos: Lavras e Ibaré.
* Pelo decreto-lei estadual nº 720, de 29-12-1944, o município de lavras passou a denominar-se Lavras do Sul.
* Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 2 distritos: Lavras do Sul e Ibaré. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.
* A alteração toponímica (nome) de Lavras para Lavras do Sul foi promulgada através do decreto-lei estadual nº 720, de 29-12-1944.

FONTE DO MAPA: Atlas Socioeconômico RS
FONTE DAS INFORMAÇÕES: IBGE

Lavras do Sul já aparecia em mapas em 1835. Mapa provavelmente pertencente a Vera Ribeiro e divulgado no perfil do internauta Sergio Martins. A obra está sendo bastante compartilhada nas redes sociais alusivas ao Município.