Pular para o conteúdo

NOTÍCIA: Ocorrência no Centro de Lavras do Sul

Compartilhe

Um homem foi morto a tiros, por volta das 19h45min, em Lavras do Sul. De acordo com a Polícia, o autor já foi identificado e é um policial militar inativo. Ele fugiu do local. A vítima foi identificada como Mário Figueiredo Teixeira, 55 anos. O caso esta sob investigação da Delegacia da Terra do Ouro, coordenada pela delegada Carem Adriana Silva do Nascimento.

Mais informações em breve. Informações de Anderson Ribeiro, do Jornal Folha do Sul.

8 comentários sobre “NOTÍCIA: Ocorrência no Centro de Lavras do Sul

  1. Elizete

    Todo mundo em lavras sabem que o mario era doente da cabeça. Mas numca desrespeitou e nimguem porque esse cidadao nao chamou a viatura para retirar ele sempre foi amigo de todo o mundo. eu hoje ainda conversei com ele e ele estava numa felicidade que iria desfilar e vem esse cidadao e tira a vida do meu amiguinho que dor estou no coraçao

    Responder
  2. Neusa

    É muito triste..
    Lavras do sul, é uma cidade pequena, é quando isso acontece é muito triste para ambos os lados.
    Tanto da família enlutada,como a do autor, algumas pessoas não separam,e englobam tudo junto.
    Que o Sr Deus conceda um lugar de descanso para o que foi,, e sua infinita misericórdia para o autor que ficou.
    Temos em Lavras também o homicídio do jovem que estava indo trabalhar,e que até hj os culpados não foram. Julgados, temos também o tio Pedro, assim que carinhosamente o chamávamos...e tantos outros.
    Desejo muita força para a família enlutada, e muita graça e força para a família do policial, já passei por esta situação e não é fácil, somente a graça de Deus para nos manter em pé..
    ( Graça-significa favor não merecido mais alcançado)

    Responder
  3. Roselaine dos santos

    Triste essa tragédia aqui na nossa LAVRAS,um ato infeliz tirou a vida desse senhor,agora discordo do comentário acima arma não atira sozinha ,a arma não foi até seu Mário e sim foi uma pessoa que a levou e atirou ,poderia ter sido uma faça ou qualquer outro tipo de arma ,não misturem as coisas.
    Meus sentimentos a família.

    Responder
    1. Neusa

      Amiga, não falei do ato ou da circunstância em si , logicamente concordo com vc que armas sejam elas de fogo ou brancas não andam sozinha, se vc ler minha postagem me referi as consequências tristeza para os que ficam , saudades para os que se foram.
      O comentário é livre ,a constituição ela dá a mim ,e a vc o direito de expressão,desde que o mesmo não ofenda a integridade moral de nenhuma das partes.
      Não faça desta tragédia motivo de debate, não estamos falando de política mas de vidas!

      Responder
  4. Claudia Roberta Burlamaqui

    Muito triste morei ai durante 8 anos era um paraíso a paz reinava entre os moradores. Fica meus sentimentos a família. E concordo armas seja o tipo que for só gera violência

    Responder
    1. admin

      Olá, Patrick.

      Entendemos sua dúvida. Na verdade, não é o Panorama Lavrense que não pode revelar. Temos que obedecer uma ordem de ética, mesmo que sejam bandidos, os órgãos oficiais pedem à imprensa que não revelem nomes até que os crimes sejam devidamente esclarecidos. Também reproduzimos as informações dos jornais da região, que não citaram
      o nome de quem atirou.

      Agradecemos a sua participação. Abraço e continue nos acessando!

      Murilo Góes,
      editor.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *