APÓS À PANDEMIA, VISITE LAVRAS DO SUL E O PAMPA GAÚCHO. CONHEÇA NOSSAS POTENCIALIDADES E CULTURA. Lavras do Sul foi emancipada de Caçapava do Sul em 9 de maio de 1882. O atual território do município surgiu pela formação das Missões Jesuíticas, com a presença dos índios Guenoas, e também pela mineração do ouro. O núcleo populacional surgiu em 1825, mas antes desta data, já havia a circulação de europeus e bandeirantes, atrás de notícias da existência do ouro na região. A cidade surgiu a partir de um núcleo populacional centralizado na Igreja Matriz de Santo Antônio ///// No auge da mineração e do funcionamento de uma unidade da Brigada Militar. Lavras do Sul chegou, entre 1930 e 1960, mais de 13 mil habitantes. Atualmente, segundo estatísticas do IBGE, são cerca de 7,4 mil habitantes. Povos das mais diversas etnias compõem a população lavrense. O Município de Lavras do Sul se divide em dois distritos: Sede e Ibaré. Localizada no Sudoeste do Rio Grande do Sul, entre Bagé e Caçapava do Sul, Lavras do Sul tem 2.600 km² de área, altitude média de 300 m e tem um vasto complexo de campos nativos, ambiente com diversas e belas paisagens. A Sede é banhada pelo Arroio Camaquã das Lavras. O clima é frio e úmido de maio a setembro. Lavras do Sul está distante de Porto Alegre a 320 km. A ERS-357 é a principal ligação rodoviária de Lavras do Sul com o RS. A ligação com Bagé merece atenção, pois ainda não foi asfaltada. Nos últimos anos, as novas tecnologias são instaladas no município. A base da economia lavrense é o Agronegócio, mas o comércio, serviços e turismo crescem cada vez mais. Há a possibilidade de instalação novos empreendimentos, relacionados à mineração e à energia eólica, podendo gerar divisas a Lavras do Sul. A Praia do Paredão, a Igreja Matriz de Santo Antônio, o Turismo na Zona Rural e a Gruta Nossa Senhora de Lourdes são algumas das mais importantes atrações turísticas da cidade. O Carnaval, as Semanas Farroupilhas de Lavras do Sul e Ibaré, a ExpoLavras, o OuroDança, a FELAIC e o Torneio Interblocos são os principais eventos realizados ao longo do ano. Pode-se dizer que Lavras do Sul é uma "grande família", com uma cultura peculiar e povo pacífico, que acolhe seus visitantes. Há uma forte cultura tradicionalista e carnavalesca em Lavras do Sul. O Carnaval Lavrense é considerado o melhor da região.
Lavras do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil, 00:00:00

Previsão do Tempo

Nossos apoiadores

Nossos apoiadores

22/05/2021

TRADICIONALISMO: Acendimento da Chama Crioula da 18ª Região Tradicionalista acontecerá em Bagé

Na manhã desta sexta-feira (21) ficou decidido em uma reunião entre a coordenadoria da 18ª Região Tradicionalista (RT) e a Prefeitura de Bagé, que o acendimento regional da Chama Crioula acontecerá no município bajeense, durante a primeira semana de setembro deste ano. 

Também foram confirmados a volta dos rodeios campeiros para o mês de agosto e a realização do desfile no dia 20 de setembro na cidade. A reunião teve a participação do coordenador regional Márcio Davila, o diretor de cavalgada João Pires, o agregado das pilchas Vitor Benites, o prefeito Divaldo Lara, o vice-prefeito Mario Mena e a coordenadora municipal de folclore e tradição Faustina Campos. 

O acendimento da Chama Crioula, que celebra o início da Semana Farroupilha, irá receber tradicionalistas dos 12 municípios pertencentes da 18ªRT no Parque do Gaúcho.  Segundo Faustina o objetivo está em resgatar a identidade cultural e a união dos tradicionalistas neste ano atípico. “O acendimento da chama e os nossos desfiles são muito importantes para a cultura da cidade, então ficamos muito felizes com a decisão. Já estamos começando a preparar todo a organização do Parque, por que queremos receber muito bem todos os municípios vizinhos e os tradicionalistas daqui”, informa a coordenadora. Para Davila o acendimento da Chama se torna um marco à volta de todas as atividades da 18ª RT. “É um recomeço para todos nós tradicionalistas e a volta do desfile contribui não só na cultura, mas no comércio local, com todo preparo necessário dos cavalos”, explica o coordenador.


TEXTO: Lívia Monteiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Postagens mais visitadas

Vídeo de Apresentação de Lavras do Sul