APÓS À PANDEMIA, VISITE LAVRAS DO SUL E O PAMPA GAÚCHO. CONHEÇA NOSSAS POTENCIALIDADES E CULTURA. Lavras do Sul foi emancipada de Caçapava do Sul em 9 de maio de 1882. O atual território do município surgiu pela formação das Missões Jesuíticas, com a presença dos índios Guenoas, e também pela mineração do ouro. O núcleo populacional surgiu em 1825, mas antes desta data, já havia a circulação de europeus e bandeirantes, atrás de notícias da existência do ouro na região. A cidade surgiu a partir de um núcleo populacional centralizado na Igreja Matriz de Santo Antônio ///// No auge da mineração e do funcionamento de uma unidade da Brigada Militar. Lavras do Sul chegou, entre 1930 e 1960, mais de 13 mil habitantes. Atualmente, segundo estatísticas do IBGE, são cerca de 7,4 mil habitantes. Povos das mais diversas etnias compõem a população lavrense. O Município de Lavras do Sul se divide em dois distritos: Sede e Ibaré. Localizada no Sudoeste do Rio Grande do Sul, entre Bagé e Caçapava do Sul, Lavras do Sul tem 2.600 km² de área, altitude média de 300 m e tem um vasto complexo de campos nativos, ambiente com diversas e belas paisagens. A Sede é banhada pelo Arroio Camaquã das Lavras. O clima é frio e úmido de maio a setembro. Lavras do Sul está distante de Porto Alegre a 320 km. A ERS-357 é a principal ligação rodoviária de Lavras do Sul com o RS. A ligação com Bagé merece atenção, pois ainda não foi asfaltada. Nos últimos anos, as novas tecnologias são instaladas no município. A base da economia lavrense é o Agronegócio, mas o comércio, serviços e turismo crescem cada vez mais. Há a possibilidade de instalação novos empreendimentos, relacionados à mineração e à energia eólica, podendo gerar divisas a Lavras do Sul. A Praia do Paredão, a Igreja Matriz de Santo Antônio, o Turismo na Zona Rural e a Gruta Nossa Senhora de Lourdes são algumas das mais importantes atrações turísticas da cidade. O Carnaval, as Semanas Farroupilhas de Lavras do Sul e Ibaré, a ExpoLavras, o OuroDança, a FELAIC e o Torneio Interblocos são os principais eventos realizados ao longo do ano. Pode-se dizer que Lavras do Sul é uma "grande família", com uma cultura peculiar e povo pacífico, que acolhe seus visitantes. Há uma forte cultura tradicionalista e carnavalesca em Lavras do Sul. O Carnaval Lavrense é considerado o melhor da região.
Lavras do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil, 00:00:00

Previsão do Tempo

Nossos apoiadores

Nossos apoiadores

25/09/2020

SERVIÇOS: Hotel Pousada LaBella





 

SERVIÇOS: Pousada Rural São Miguel Arcanjo

Pousada Rural São Miguel Arcanjo, um rico lugar para descansar nos finais de semana, fazer um piquenique com a família e respirar livremente desfrutando de uma paisagem repleta de árvores, flores, fontes de água e animais da campanha.

Vem ser bem feliz em Lavras do Sul, a Terra do Ouro do Pampa Gaúcho!



TURISMO: Rota do Ouro lança nova logomarca

 


Clique dentro da imagem acima para visualizar a página no Facebook.



CURIOSIDADES: Conheça 32 curiosidades e dados básicos sobre Lavras do Sul

1) Lavras do Sul surgiu a partir da formação das Missões Jesuíticas, dos tratados de fronteiras entre Portugal e Espanha, no século XVIII. A ocorrência de ouro nas terras atuais lavrenses também foi fundamental para a formação do Município. 

2) O Padroeiro de Lavras do Sul, Santo Antônio (comemorado em 13 de junho), a Igreja Matriz (fundada em 1919) e o aumento do número de evangélicos e espíritas são as principais manifestações religiosas lavrenses. 

3) Lavras do Sul desmembrou-se de Caçapava do Sul no dia 9 de maio de 1882, tornando-se vila. Em 1938, foi elevada à categoria de cidade. Atualmente, a superfície de Lavras do Sul é de, segundo o IBGE, 2.601 km². 

4) O Ibaré (Segundo Distrito) tem cerca de 800 habitantes, localizada a 47 km do Centro de Lavras do Sul (conhecido também como Sede). É uma localidade muito simpática, rodeada de pastagens e morros.

5) Dos 7.408 habitantes, segundo o IBGE, em estimativa de 2019, 72% da população são eleitores, (de acordo com cálculos a partir de dados retirados do site do TSE). São eleitores aptos a votar, em agosto de 2020, 5.334 eleitores. 

6) A agropecuária, a agricultura familiar, o turismo e o comércio são as principais atividades econômicas na atualidade lavrense.

7) A mineração gera um vasto debate no Município. Os favoráveis defendem a ideia da instalação do Projeto Fosfato Três Estradas, por conta de um possível desenvolvimento econômico amplo para Lavras do Sul. Já os contrários à mineração em Lavras do Sul defendem a preservação das paisagens da região, sendo receosos com relação à impactos ambientais, que poderiam ocorrer com a instalação da mina.

8) Lavras do Sul localiza-se a 320 km de Porto Alegre, 170 km de Santa Maria, 81 km de Bagé (maior parte deles por estrada de chão) e 64 km de Caçapava do Sul. Está, ainda, a cerca de 150 km da Fronteira com o Uruguay. 

9) O ponto mais elevado de Lavras do Sul está localizado na divisa com São Gabriel (470 metros acima do nível do mar). E o ponto menos elevado (100 metros aproximadamente) está no limite com Dom Pedrito (margens do Rio Santa Maria). 

10) A temperatura média anual de Lavras do Sul é de 18°C; e a média anual de chuvas, segundo o sr. Luiz Fernando Saraiva de Souza, é de 1.822 mm. Ocorre, em média, 15 geadas anuais no Município, entre maio e setembro.

11) O relevo de Lavras do Sul é composto por uma porção leste mais elevada. A porção oeste é mais plana. É um relevo típico do Pampa Gaúcho. Vale ressaltar que mais de 80% dos campos nativos lavrenses estão preservados. 

12) A vegetação é típica dos Pampas, composta por gramíneas e capões de mato; exemplares de plantas típicas de outros biomas brasileiros podem ser encontrados em Lavras do Sul. Destaque também para as mais de 200 espécies de aves que já são identificadas no Município. 

13) Segundo estimativas para 2019, do IBGE (publicadas pelo SEBRAE) a população urbana de Lavras do Sul é de 4.467 hab. Já 2.789 habitantes vivem na zona rural. Em 2017, eram 3.569 homens e 3.704 mulheres. A expectativa de vida, em 2010, era de 77,05 anos. 

14) Lavras do Sul já chegou a ter 13.500 habitantes em 1958. A insuficiência de vagas de emprego no município gerou saída de habitantes e queda da população nas décadas seguintes. 

15) A ovinocultura é uma dos principais potenciais econômicos de Lavras do Sul. O município abriga um dos 20 maiores efetivos de rebanhos de ovelhas no Brasil. Há, também, potencial para derivados, como vestuário, artesanato, pelegos (tapetes de lã ovina) e carne. 

16) Três bacias hidrográficas, a do Uruguai (pelo Rio Santa Maria), do Camaquã (pelo Rio Camaquã) e do Guaíba (pelo Rio Vacacaí), nascem na região de Lavras do Sul, encontrando-se no Marco Gaúcho das Águas, localizado na Meia-Lua. 

17) Lavras do Sul faz divisa com sete municípios: Bagé (sudeste e sul), Dom Pedrito (sul, sudoeste e oeste), São Gabriel (oeste, noroeste e norte), Santa Margarida do Sul, Vila Nova do Sul e São Sepé (norte), Caçapava do Sul (nordeste, leste e sudeste). 

18) A Praia do Paredão é um símbolo natural lavrense. As águas dividem, por cerca de 100 metros, a faixa de areia de um cerro de média elevação, que forma uma espécie de parede, daí o nome do balneário. Possui um camping, com estrutura para o lazer. Tem grande movimento no verão.

19) Mesmo sendo uma cidade de pequeno porte, Lavras do Sul tem vários eventos ao longo do ano. Os principais: Carnaval, Torneio InterBlocos, ExpoLavras, Semana Farroupilha, OuroDança e FELAIC.

20) Lavras possui mais de 200 estabelecimentos comerciais, com diversos serviços, que atendem às necessidades básicas dos habitantes. 

21) Atualmente, Lavras do Sul tem dois CTG's (Querência das Lavras e Marco das Águas) e mais de 20 Piquetes Tradicionalistas. 

22) A ERS-357 é a principal ligação de Lavras do Sul com o resto do Estado. Sua extensão total é de 90 km (61 km de asfalto e 29 km por terra, no caminho para Bagé). O asfaltamento deste trecho de 29 km, junto com a RSC-473, é um sonho antigo da região. 

23) Os principais produtos agropecuários de Lavras do Sul são: bovinos, ovinos, equinos; laranja, figo, tangerina, uva; arroz, milho e soja. 

24) Atividade cultural crescente nos últimos anos no Município, a dança reúne e integra os jovens na sociedade. Todos os grupos de dança lavrenses tem seu destaque, sejam eles tradicionalistas, de danças urbanas ou infantis, entre outros. 

25) O Clube Comercial, localizado no centro da cidade, foi inaugurado em março de 1910 e é o mais tradicional clube da cidade. 

26) Com estilo português e barroco, a arquitetura de Lavras do Sul faz ter um belo passeio histórico para os visitantes (e, também, para os moradores). 

27) Lavras do Sul faz parte do Território do Alto Camaquã e da Região Turística do Pampa Gaúcho, devido aos seus potenciais. 

28) O Carnaval de Lavras do Sul é celebrado há mais de cem anos, é a maior festa do Município e a mais popular, levando um enorme público às ruas do centro da cidade durante as cinco noites de folia.

29) Os mais tradicionais blocos carnavalescos de Lavras do Sul são o Grupo dos Relaxados (fundação em 1930) e VG - Vai de Qualquer Geito (primeiro Carnaval em 1938).

30) A primeira Rainha do Carnaval de Lavras do Sul foi Horizontina Pergentina de Souza Chiappetta, escolhida em 1917. 

31) Paulo José Gómez de Souza, nascido em 20 de março de 1937, em Lavras do Sul, é um dos maiores nomes da cena artística brasileira. Desenvolveu um vasto trabalho na cultura do nosso país, em filmes, teatro, comerciais e TV.

32) O Município de Lavras do Sul, com 2.601 km² , é o maior em extensão territorial com menos de 10 mil habitantes no Rio Grande do Sul na atualidade. Além disso, é o 22° município mais extenso do Estado e seu território é mais de cinco vezes maior do que a área de Porto Alegre, que é de 496 km².



10/09/2020

TURISMO NO PAMPA: Rota do Ouro em Lavras do Sul

A Rota do Ouro é uma empresa de promoção do Turismo Local em Lavras do Sul, aliando diversos segmentos como hotéis, restaurantes, artesãs, gastronomia das agroindústrias, Turismo Rural e circuitos do patrimônio histórico. Venha caminhar também!

Os principais pontos deste roteiro são os seguintes:

  • ·         1. Ruínas Company Mining Gold;
  • ·         2. Casa Geminada Família Souza;
  • ·         3. Centro de Alfabetização;
  • ·         4. Casa de José Chiappetta;
  • ·         5. Igreja Matriz Santo Antônio;
  • ·         6. Casa Ademar Teixeira;
  • ·         7. Acervo da Casa de Cultura José Neri da Silveira;
  • ·         8. Engenho do Paredão;
  • ·         9. Engenho Belga;
  • ·         10. Praça Hermínia Ferreira de Souza.

As ruas em paralelepípedos possuem uma beleza cênica que deve ser preservada como patrimônio cultural, remontam aos primeiros momentos da urbanização e são mais benéficas ao meio ambiente, quando chove, as águas são filtradas pelas pedras, não ocasionando enchentes e ruas alagadas. Quanto mais claras as pedras forem, mais luz pode ser refletida.

Nossa cidade apresenta um belo cenário com ruas de pedras e casas antigas. Ande pela cidade e aprecie os detalhes!

FONTE: Rota do Ouro (Facebook)



03/09/2020

GEOGRAFIA: Estimativa da População de Lavras do Sul para 2019

Pesquisa de estimativa de população divulgada hoje pelo Governo do Estado mostra a estimativa de habitantes de todos os municípios do Rio Grande do Sul. Segundo a estimativa, realizada pelo Departamento de Economia e Estatística (DEE/RS) para o ano de 2019, Lavras do Sul tem 7.190 habitantes (3 526 homens e 3 664 mulheres).

Mais informações no site do Governo Estadual.


31/08/2020

CULTURA: Casa de Cultura José Néri da Silveira oferece livros para doação à comunidade lavrense


A Casa de Cultura José Néri da Silveira tem livros disponíveis para doação. Escolha seu livro, visite os espaços e assine o livro de visitas. de segunda a sexta, das 8h às 14h, na Rua Adão Teixeira da Silveira, 400, esquina com a Cel. Meza.

30/08/2020

ESPORTE E LAZER: Grupo "PedaLavras" promove esporte, saúde e cicloturismo


Venha fazer parte desse movimento mundial que cresce a cada dia. Saúde, Esporte, aventura, ar livre, amizades, cicloturismo e bem estar. Siga-nos no Instagram e no Strava (aplicativo). Trocas de informações na área do ciclismo. Logo, novidades. Junte-se a nós.

FONTE: Charles Lopes.


FOTO: Divulgação

29/08/2020

TURISMO: A relação entre a hidrografia e ovinocultura em uma propriedade no interior de Lavras do Sul

Lavras do Sul tem o privilégio das águas, pois é um município onde se encontram três bacias hidrográficas: Uruguai (pelo Rio Santa Maria), do Camaquã (pelo Rio Camaquã) e do Guaíba (pelo Rio Vacacaí). As três bacias nascem na região de Lavras do Sul e se encontram no ponto onde está o Marco Gaúcho das Águas. Praticamente todos os lugares do município são abençoados por nascentes, riachos, sangas e passagens dos arroios, o que beneficia bastante nossos campos.

Na foto, um curso d'água que serve de fonte hídrica para a Lavanderia de Lã localizada no Ibaré, na propriedade Chácara da Corticeira, de Terezinha e Bento Marques, que é lugar muito legal. Além dessa rica fonte de água, eles têm na propriedade uma trilha com chás e plantas que servem para pigmentar as lãs ovinas que usam para produção das peças de vestuários.

Para agendamento de visitas, entre em contato na página do Rota do Ouro, no Facebook.

FONTE: Rota do Ouro (Facebook), com adaptações.
FOTOS: Fernanda Carvalho.





12/08/2020

INFRAESTRUTURA: Lavras do Sul volta a ter placa de acesso na BR-290.

Para quem vem de Porto Alegre, a placa de acesso a Lavras do Sul foi recolocada, no trevo do quilômetro 334, facilitando o acesso ao município.  

FOTO: Rosane Costa.


AddToAny

Postagens mais visitadas

Vídeo de Apresentação de Lavras do Sul