Pesquisar este blog

Telefones úteis

VISITE LAVRAS DO SUL EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).
Confira site especial com conteúdos adicionais
sobre Lavras do Sul

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

EXPOLAVRAS 2019: Roda de Conversa sobre o Projeto Fosfato Três Estradas


Ocorreu neste sábado (02/11) a Roda de Conversa sobre o Projeto Fosfato Três Estradas. Participaram da conversa: Prefeito Sávio Prestes; Luiz Clerot, Lucas Galinari, José Fanton, Carlos Renato Barbosa, Bruno Barcelos e Diego Boeira (mediador).

Diego sugeriu o exercício “Que bom, que pena e que tal”, para organização da roda de conversa.

Carlos Renato Barbosa reforçou a questão das vantagens da reposição dos micro-nutrientes. Cita a revitalização das lavouras e a possibilidade de fazer fertilizantes em campo nativo (os campos de Lavras do Sul e do RS são com pH baixo). Segundo Carlos Renato, o uso contínuo do fosfato natural pode mostrar uma performance natural das lavouras em até quatro anos.

O Prefeito Sávio Prestes destacou as dificuldades para a implantação do Projeto Fosfato Três Estradas e afirma que haverá melhorias. Tributariamente, pode ter dez vezes o faturamento atual de Lavras do Sul. A pecuária pujante, a agricultura em crescimento e a origem do Município são, aliados à logística, ao valor agregado e a aplicação de políticas públicas, segundo o Prefeito, podem dar crescimento ao Município.

A demanda do produto poderá ter um raio de cem quilômetros; fósforo, cálcio, magnésio e nutrientes são os minerais caracterizados do fosfato. A Metade Sul sofre com falta de investimentos, segundo o Prefeito Sávio Prestes.  Ele destaca a atuação da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Lavras do Sul para o futuro.

Carlos Renato destaca a importância de uma frente de busca de recursos para o asfaltamento da RSC-473, além de citar a soma de esforços.

Informações obtidas a partir da transmissão pela Pepita FM.

FONTE DA IMAGEM: Projeto Fosfato / Reprodução – Facebook.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny