VISITE LAVRAS DO SUL EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

PAMPA GAÚCHO: Urcamp apresenta novo curso superior de Gastronomia


Durante um café da manhã na quarta-feira, 1º de novembro, com representantes de órgãos, empresas e instituições, a Universidade da Região da Campanha (Urcamp) apresentou o novo Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia que será oferecido a partir do próximo semestre no campus Bagé. O anúncio foi feito pela reitora da Urcamp e presidente da Fundação Áttila Taborda (FAT), Lia Maria Herzer Quintana. “É com satisfação que lançamos hoje este curso em uma região que clama pelo turismo, e a gastronomia é uma das ferramentas do turismo. O curso é nosso, mas só fica perfeito com a parceria de todos vocês”, destacou a reitora.

A apresentação foi realizada pelo coordenador do curso, doutor em Gastronomia, Luiz Fernando Framil. O curso tem como objetivo oferecer os meios de ensino que proporcionem formar tecnólogos em Gastronomia, criativos, com espírito empreendedor e tecnicamente capacitados para desenvolver de forma plena e inovadora atividades no setor gastronômico em nível regional, com ênfase no Bioma Pampa, nacional e internacional.

Framil explicou que os cursos superiores de tecnologia são organizados, orientados e inspirados nas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Tecnológico. “O gastrônomo formado no curso terá sua formação voltada para a região, através da valorização da gastronomia regional e desenvolvimento da cadeia produtiva, que é rica em produtos como o arroz, carne, vinhos, azeite”, destacou.

A pró-reitora acadêmica da instituição, Virgínia Paiva Dreux, destacou que o número de vagas para o primeiro semestre do curso, o único na região sul, será limitado, para que todos os estudantes possam contar com uma infraestrutura adequada ao desenvolvimento das atividades. Os interessados podem ingressar através do vestibular da universidade, que acontece no dia 19 de novembro, com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) ou como portador de diploma de curso superior.

A Pró-Reitora de Inovação, Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, Elizabeth Drumm, enfatizou que a universidade está aberta para sugestões do empresariado local, para que instituição e empresas possam pensar juntas em alternativas para o desenvolvimento regional através dos cursos. “As ações de extensão serão o braço direito deste curso”, pontuou.

Sobre o curso

O curso tem duração de cinco semestres, ou seja, dois anos e meio e será oferecido no turno da noite e executado por módulos. O investimento é de R$ 1.250,00 a mensalidade ou R$ 7.500, 00 o módulo (seis meses). A carga horária acadêmica do curso é de 1.530 horas, além de 120 horas de atividades complementares, como cursos, eventos e 120 horas de estágio curricular supervisionado, totalizando 1.770 horas.

Saiba mais:

Após a conclusão com aproveitamento das disciplinas dos dois primeiros módulos, o profissional já pode atuar como assistente de cozinha. Já com a conclusão dos terceiro e quarto módulos pode-se trabalhar como cozinheiro nacional e internacional. Finalizando os módulos forma-se em gastrônomo.

Campo de atuação:

Centros gastronômicos. Embaixadas e consulados. Empresas de hospedagem, recreação e lazer. Hospitais e Spas. Indústria alimentícia. Parques temáticos, aquáticos, cruzeiros marítimos. Restaurantes comerciais, institucionais e industriais, catering, bufês e bares. Instituições de Ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.

Perfil profissional:

Concebe, planeja, gerencia e operacionaliza produções culinárias nas diferentes fases dos serviços de alimentação. Cria preparações culinárias e valoriza a ciência dos ingredientes. Diferencia e coordena técnicas culinárias. Planeja, controla e avalia custos. Coordena e gerencia pessoas de sua equipe. Valida a segurança alimentar. Planeja, elabora e organiza projetos de fluxo de montagem de cozinha. Identifica utensílios, equipamentos e matéria-prima em restaurantes e estabelecimentos alimentícios. Articula e coordena empreendimentos e negócios gastronômicos. Identifica novas perspectivas do mercado alimentício. Vistoria, avalia e emite parecer técnico em sua área de formação.

Ingresso – Vestibular e Financiamentos

As inscrições para o vestibular de verão 2018 estão abertas pelo site www.urcamp.edu.br e podem ser feitas até o dia 17 de novembro. A taxa é de R$ 30 e os interessados em fazer o novo curso já podem realizar sua inscrição no site. Os candidatos que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) a partir de 2014 podem ingressar na Urcamp, sendo necessário marcar esta opção no ato da inscrição e emitir o boleto para pagamento. Nesta modalidade não é necessário o candidato comparecer no dia da prova do vestibular, que ocorrerá em 19 de novembro, a partir das 13h30.

Financiamentos: A Urcamp possui algumas modalidades de crédito e financiamento para os vestibulandos, além das bolsas Prouni/Proies que são oferecidas por meio de inscrição no site do Ministério da Educação, conforme cronograma estipulado pelo governo.

FIPRES – O Financiamento Próprio Estudantil (Fipres) permite que o aluno ingressante pague apenas 70% da mensalidade e o restante, de 30%, somente após concluir a graduação. A instituição dispõe, ainda, um desconto de 15% para o estudante que se matricular em todas as disciplinas da grade curricular.

CREDIES/FUNDACRED – No Credies, o vestibulando pode pagar 50% da mensalidade enquanto está estudando e o restante, de 50%, após concluir o curso. A solicitação de financiamento ocorre por meio do site portal.fundacred.org.br.

FIES – Financiamento Estudantil do Ministério da Educação, o qual permite que o aluno possa financiar até 100% de sua graduação. Para isso é necessário que o estudante tenha realizado Enem a partir da edição de 2010 e obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a zero e fazer a inscrição pelo site fiesselecaoaluno.mec.gov.br, seguindo o cronograma e os critérios exigidos pelo programa.

*Informações de documentos necessários para adesão aos financiamentos podem ser obtidas na Central do Aluno.

FOTO: Tiago Rolim de Moura​

TEXTO: Claudenir Munhoz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Mapa (Google Maps)

FONTE: Google Maps.

Conheça Lavras do Sul!

O município gaúcho de Lavras do Sul está localizado a 324 km a sudoeste de Porto Alegre, entre Caçapava do Sul e Bagé, através de acessos pelas rodovias BR-290, BR-392 e ERS-357. Possui 7 679 habitantes, distribuídos em uma área de 2 600 km² (IBGE, 2010). Emancipado de Caçapava em 9 de maio de 1882, foi o único município gaúcho com origem na mineração do ouro. Possui as denominações carinhosas de "Pepita do Rio Grande" e "Terra do Ouro". Na atualidade, a economia se baseia na pecuária (principalmente bovinos e ovinos), comércio, fruticultura, lãs, indústrias artesanais e turismo. Tem como atrações turísticas principais a Igreja Matriz de Santo Antônio, a Praça Licinio Cardoso e o Camping Municipal (ou Praia do Paredão). O Carnaval lavrense é um dos maiores do Rio Grande do Sul e do Interior Brasileiro. Além do Carnaval, são realizadas as mais diversas festas e eventos ao longo do ano. Tudo consequência da alegria, da tranquilidade, da hospitalidade e da receptividade do povo lavrense.
A Sede está situada na latitude de 30°48’41”S e longitude 53°54’02” O. São dois os Distritos: o primeiro, Sede, com 1.240 km² aproximadamente; e o segundo, o Ibaré, com 1.360 km² aproximadamente.
A altitude média é de 300 metros acima do nível do mar (oficialmente ela está em 277 metros), mas em vários pontos, chega a 400, 450 metros. Nas regiões do extremo oeste do município, alcança apenas 98 m nas curvas do Rio Santa Maria.
Faz divisa com sete municípios: Vila Nova do Sul e Santa Margarida do Sul (norte), São Gabriel (norte e noroeste), Dom Pedrito (oeste, sul e sudoeste), Bagé (sudeste), Caçapava do Sul (leste e nordeste) e São Sepé (nordeste e norte). Até os anos 1980, havia uma pequena divisa com Rosário do Sul, que foi extinta devido a anexações aos municípios de Dom Pedrito e São Gabriel. O perímetro aproximado de divisas de Lavras do Sul é de 380 km. A distância entre os extremos leste-oeste é de cerca de 120 km.
Lavras do Sul está situada a 2.431 km de Brasília, Capital do Brasil, e a 641 km de Montevidéu, Capital do Uruguai. Localiza-se na faixa de fronteira.

SEJAM BEM-VINDOS(AS) AO BLOG INDEPENDENTE DE LAVRAS DO SUL/RS E REGIÃO. VISITEM NOSSA CIDADE E O PAMPA GAÚCHO EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO. TRABALHAMOS DESDE 2007 E LEVAMOS QUALIDADE E CARINHO A ESTA TERRA PELAS ONDAS DA INTERNET. FIQUEM À VONTADE E SIGAM CONOSCO!