Sejam bem-vindos ao site independente em homenagem a Lavras do Sul, a eterna "Terra do Ouro"! Visite nosso Município em qualquer época do ano. ///// Lavras do Sul é um município brasileiro localizado no Rio Grande do Sul e pertencente à mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e à microrregião da Campanha Meridional. Conta com as águas da Bacia do Rio Camaquã e do Rio Santa Maria. Faz divisa territorial com os municípios de Caçapava do Sul (L, NE), Bagé (SE), Dom Pedrito (O, S, SO), São Gabriel (N, NO) e Vila Nova do Sul, Santa Margarida do Sul e São Sepé (N). Localiza-se no Escudo Sul-Rio-grandense, apresentando um solo rochoso, de origem pré-cambriana, e rochas sedimentares. Apresenta terras que alcançam os 450 metros acima do nível do oceano. Apresenta vegetação variada ao longo de seu território, desde campos mistos com arbustos, até campos limpos e planícies onde se praticam a cultura do arroz, já na porção oeste do município, na divisa com Dom Pedrito. Lavras do Sul possui 7.679 habitantes, segundo estimativas do IBGE, em 2010 e está distante 320 km da Capital gaúcha, Porto Alegre. As principais atividades econômicas do município são a mineração (que está praticamente desativada, embora hajam jazidas de calcário e fosfato em pesquisa), a agropecuárjavascript:void(0)ia, a agroindústria, o artesanato, o comércio e o turismo. Possui um dos mais tradicionais carnavais do interior gaúcho, além de realizar diversos eventos o ano todo.

Apoiador

Lavras do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil
   00:00:00 blogpanoramalavrense@gmail.com
Perfil no Facebook

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

ATUALIDADES: Pouco lembrada pela grande mídia, morre a atriz Chica Lopes, de "A Escrava Isaura"


Faleceu no último dia 10 de setembro, a atriz Chica Lopes, 90, conhecida por seus trabalhos em "Éramos Seis" e "A Escrava Isaura", entre tantos outros.

A informação só foi divulgada nesta quarta-feira (21), através da também atriz e amiga Jussara Freire. A causa da morte foi Alzheimer e senilidade.

Chica Lopes tinha 90 anos. Começou a carreira no teatro em 1950 e estreou na televisão em 1975. No ano seguinte, atuou em sua primeira novela "O Julgamento", da TV Tupi. Ficou conhecida pela personagem Durvalina nas duas versões de "Éramos Seis", na Tupi, em 1977, e também na regravação do SBT, em 1994.

Atuou ainda em "Roda de Fogo" (1978), "O Direito de Nascer" (1978), "Os Imigrantes" (1981), "Sangue do meu Sangue" (1995), "Os Ossos do Barão" (1997), "Pícara Sonhadora" (2001), "Marisol" (2002), "Jamais te Esquecerei" (2003), "A Escrava Isaura" (2004) e "Cristal" (2006).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mapa (Google Maps)