Sejam bem-vindos ao site independente em homenagem a Lavras do Sul, a eterna "Terra do Ouro"! Visite nosso Município em qualquer época do ano. ///// Lavras do Sul é um município brasileiro localizado no Rio Grande do Sul e pertencente à mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e à microrregião da Campanha Meridional. Conta com as águas da Bacia do Rio Camaquã e do Rio Santa Maria. Faz divisa territorial com os municípios de Caçapava do Sul (L, NE), Bagé (SE), Dom Pedrito (O, S, SO), São Gabriel (N, NO) e Vila Nova do Sul, Santa Margarida do Sul e São Sepé (N). Localiza-se no Escudo Sul-Rio-grandense, apresentando um solo rochoso, de origem pré-cambriana, e rochas sedimentares. Apresenta terras que alcançam os 450 metros acima do nível do oceano. Apresenta vegetação variada ao longo de seu território, desde campos mistos com arbustos, até campos limpos e planícies onde se praticam a cultura do arroz, já na porção oeste do município, na divisa com Dom Pedrito. Lavras do Sul possui 7.679 habitantes, segundo estimativas do IBGE, em 2010 e está distante 320 km da Capital gaúcha, Porto Alegre. As principais atividades econômicas do município são a mineração (que está praticamente desativada, embora hajam jazidas de calcário e fosfato em pesquisa), a agropecuárjavascript:void(0)ia, a agroindústria, o artesanato, o comércio e o turismo. Possui um dos mais tradicionais carnavais do interior gaúcho, além de realizar diversos eventos o ano todo.

Apoiador

Lavras do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil
   00:00:00 blogpanoramalavrense@gmail.com
Perfil no Facebook

terça-feira, 12 de julho de 2016

ALTO CAMAQUÃ: Resumo da 7ª Expo Alto Camaquã, em Bagé

Após três dias de grande movimentação na comercialização de produtos em artesanato e gastronomia, a 7ª edição da Expo Alto Camaquã encerrou neste domingo (10.07), sendo considerada, tanto pelos organizadores quanto pelos comerciantes, como tendo ido além do esperado.


O evento, parceria entre a Prefeitura de Bagé, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), com a Associação para o Desenvolvimento do Alto Camaquã (ADAC), faz parte do Projeto de Desenvolvimento Turismo da Região do Pampa. Assim, o momento é uma oportunidade que os comercializantes e artesãos têm de vender seus produtos, ao mesmo tempo que, a nível local, a região tem de movimentar a economia, bem como explorar suas potencialidades turísticas.


Realizado ao largo do Centro Administrativo, o evento contou, concomitante com a exposição e venda de produtos, com oficina de Turismo Rural e Gastronomia Ovina, promovida pela Empresa de Assistência Técnica e Exposição Rural (EMATER), show de Cristiano Quevedo, apresentação da Fábrica de Gaiteiros, entre outros.


O gestor da APL Ovinos e Turismo do Alto Camaquã e organizador do evento, Marcos Blanco, avalia o evento, em especial essa edição, como positivo da perspectiva dos comerciantes. ''Eles estão saindo, hoje, daqui, todos satisfeitos, tendo alguns inclusive fechado seus stands mais cedo porque os produtos já haviam sido todos vendidos''.


À mesma conclusão chegou a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), Sandra Farias de Moraes, que enfatizou a importância para o turismo do município. ''Bagé está sediando pela terceira vez o evento, sendo este um atrativo para a comercialização, além de uma oportunidade de promover também, por exemplo, o patrimônio histórico. Apesar da crise, superou nossas expectativas''.


Maria Helena Fagundes, da cidade de Caçapava do Sul, comentou sua experiência com o evento. ''Essa é a terceira vez que participo e, esse ano, foi ótimo, encerrando, agora, quase sem material''. Ela comercializava produtos feitos em tecelagem.


Além de Bagé, fizeram parte da exposição, comercializantes de oito municípios que integram o território do Alto Camaquã: Caçapava do Sul, Canguçu, Encruzilhada do Sul, Lavras do Sul, Pinheiro Machado, Piratini, Santana da Boa Vista.


Entre as instituições que apoiam a iniciativa, estão a Empresa Brasileira de Agricultura e Pecuária (Embrapa), o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), Associação Pampa Gaúcho de Turismo (Apatur), a Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento (AGDI), a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag)/RS e EMATER.


FONTE DAS INFORMAÇÕES: Prefeitura de Bagé




[caption id="attachment_19014" align="alignnone" width="5184"]Crédito: Willians Barboza Crédito: Willians Barboza[/caption]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mapa (Google Maps)