Pesquisar este blog

Telefones úteis

VISITE LAVRAS DO SUL EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO ///// Localizado na mesorregião do Sudoeste Rio-grandense e na microrregião da Campanha Meridional, a 320 quilômetros via rodoviária da Capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, o município de Lavras do Sul foi fundado em 9 de maio de 1882, emancipando-se de Caçapava do Sul. É o único município gaúcho com origem na mineração e na extração do ouro, mineral outrora abundante na região. Segundo dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, a população era de 7.679 habitantes. Seu território se estende por 2.600 km² e, as Coordenadas Geográficas da zona urbana são 30° 48' 41” S, 53° 54' 02” O. Divide-se em dois distritos: Sede (a leste) e Ibaré (a oeste).
Confira site especial com conteúdos adicionais
sobre Lavras do Sul

segunda-feira, 28 de março de 2016

INFRAESTRUTURA: Reunião do Executivo Municipal sobre a Ponte do Hilário

[gallery ids="8910,8909,8908"]

No dia 17 de março, em Porto Alegre, em reunião com o deputado federal José Otávio Germano, o prefeito Alfredo Borges, solicitou uma audiência no Daer para tratar do problema do tráfego de veículos pesados na Ponte do Hilário.


Apesar da promessa afirmativa do Diretor de Operação Rodoviária, Rogério Uberti, no início da semana passada com o problema não solucionado, Borges solicitou ao prefeito de Caçapava do Sul, OtomarVivian, por também ser de interesse do município vizinho, que intercedesse junto ao Secretário de Obras do Estado, Pedro Westphalen.




Prontamente atendidos, aconteceu na quarta-feira, 23, na Sala Jacques de Souza do Sindicato Rural de Lavras do Sul, reunião com o secretário de obras do Estado, técnicos do Daer, prefeito Alfredo Borges e Otomar Vivian, vice-prefeita Fátima da Rosa Moreira, vereadores de Lavras do Sul, presidente do Sindicato Rural de Lavras do Sul, Ângelo Etchuchury, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, João Rui Dias Nunes e o presidente do Núcleo Regional de Criadores de Terneiros de Corte, Jacques Brasil de Souza.


A Ponte do Arroio Hilário, construída na década de 30, é essencial para o escoamento da safra. Segundo Borges o acesso sendo limitado prejudica toda a produção do município. De acordo com informações do superintendente do Daer na região, Ricardo Levy, já existe projeto para uma nova ponte, orçado em aproximadamente 2,5 milhões.


Ficou acordado que a ponte será liberada para tráfego de caminhões longos, porém em sistema de monovia, onde cada caminhão deve passar de uma vez, em baixa velocidade. Também, segundo o Secretário Pedro Westphalen, o local será sinalizado e será colocada lombada eletrônica de velocidade.


FONTE: Prefeitura de Lavras do Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny